Black The Fall é mal compreendido

Black The Fall é mal compreendido

1 de abril de 2018 0 Por Davidson Prata

Black The Fall é pra você que ficou órfã de Limbo e Inside

Black The Fall é um jogo de plataforma independente que é um exemplo de um caso de sucesso de financiamento coletivo no Kickstarter em 2014. Jogo desenvolvido pela Sand Sailor Studio e publicado pela Square Enix em julho de 2017 para Microsoft Windows, Linux, Macintosh, Nintendo Switch, PlayStation 4 e Xbox One

Gameplay de Black The Fall

O jogo é mesmo “Black”?

Em um futuro distópico de um regime comunista. Depois de décadas de trabalho forçado, um antigo maquinista traça sua fuga do regime opressor através de passagens ocultas (Puzzles) em meio as sombras do terror comunista.

Já falei que o jogo é de plataforma né?! Apesar de ser um jogo claramente inspirado/influenciado por Limbo e Inside do estúdio Playdead é nos Puzzles que esse jogo me ganhou. Apesar de ser um jogo com lindos gráficos em 2.5D alguns puzzles usa todo o ambiente 3D trazendo um outro nível de dificuldade para o jogo. Os puzzles começam simples e vão de forma justa e gradual aumentando a dificuldade e assim, fazendo o gameplay ser agradável e desafiador ao mesmo tempo. Nem tudo são flores, o jogo tem uma história clichê e um replay nulo. Por mais legal que seja a sua primeira experiência com o jogo, não há motivação alguma para jogar-lo novamente. Ah, a jogabilidade pode por vezes ser um pouco “truncada“, mas nada que incomode muito.

RECOMENDAÇÃO: Este jogo é recomendado para maiores de 18 an…ops…não, pera, é zueira! 

RECOMENDO!

Se você gostou de Limbo ou Inside você tem que jogar Black The Fall! Se você curte de jogos de plataforma então, JOGUE! Se você gosta de resolver puzzles meu amigo, ENTÃO JOGUE!!!